domingo, 28 de maio de 2017

A mais bela flor...

E as palavras velhas, novas, ainda falam de você,
Te colocam no verso, sabe coração o porquê;
E um sorriso vem, logo ao amanhecer,
E fica fácil, leve, essa delícia que é escrever...

E os pássaros acordando o domingo, é vida,
Cantarolada, com notas da chuva caída;
E a manhã vem com esperança tão boa,
Que versar é tão simples, que palavra ressoa...

Calma, serena, tranquila poesia se faz,
Enquanto o pensar voa, acorda, se refaz;
Da tempestade passada, pois sabe que o amor,
É semente que Deus plantou em teu coração, feito flor...

Meri Viero