domingo, 4 de dezembro de 2016

O NÃO DE DEUS...


Talvez o sonho mais bonito
Que não aconteceu, foi o "não"
Que Deus deixou escrito
E ainda que de decepção

A alma tenha se revestido
E de amargor também o coração
A fé é algo que jamais foi perdido
Mesmo em meio ao caos da escuridão

Talvez certos sonhos, feito conto de fadas
São desenhados apenas por humanas mãos
E da realidade segue muito bem guardada
Começo, meio, e o fim, é amor, e abnegação. 

Meri Viero