quarta-feira, 2 de novembro de 2016

ESTRELAS

Li as palavras que guardaste
Teu coração traiu e enviou...
Em código morse; que me amaste
Desde o tempo em que me deixaste
E as mãos tocaram a face que beijou
Delicadeza de um anjo bom
Que usou brancas penas
Para falar de um amor
E em cada linha, um tom
Um som e uma cor
Que coloriu a retina
Pintou no céu o arco-íris
E alegrou essa menina
Para que ao caíres
Acolheria com teu coração
E cantaria uma doce canção
Ouvida da terra ao céu
Do céu ao universo
Ressoando em cada estrela
Que brilhou noite após noite
No meu e no teu olhar.

Meri Viero