sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Não é minha...

Não! Não é minha, a dor daquele coração
Mas sinto uma tristeza tão grande no peito
E o que posso ofertar? As mãos em oração
Que a fé não seja pequena e que tudo seja feito

Conforme a vontade de Deus, Pai amoroso
Enxuga da tua face a lágrima e lhe dá a paz
Jesus Cristo, continua fazendo milagres reais
Em todo e qualquer momento, Ele, glorioso

Sabe o que faz, cura a carne, também o espírito
É preciso crer; na vida, aconteça o que acontecer
Em Cristo há vida; pois, Ele venceu a morte, repito
Morrer em Cristo, é ter a salvação do imperfeito ser.

Meri Viero