quarta-feira, 15 de julho de 2015

NOITES TEMPESTUOSAS

Em noites de tempestades, aqueles que amo,
Queria todos bem perto, e os raios e os trovões;
Se dissipariam entre risos, mas não reclamo,
Mas peço que Deus cuide, através das orações...

Agradeço, Ele sabe o que faz de nossas vidas,
Quando tudo parece perdido, noites tempestuosas;
Ele nos acalma, nos acolhe, nos dá amor e guarida,
E percebemos que em meio as dores tortuosas...

Somos fortes, se com Ele estamos, seguimos,
E tudo passa, na fé que alimenta nossa alma;
Que nos faz crer, esperar em Jesus, insistimos,
A tempestade vem, mas Deus, nos traz a calma.

Meri Viero