domingo, 3 de maio de 2015

NOVO TOM



Seis da manhã e o céu se pintava ,
De azul e vermelho, já anunciava;
Que verteria das nuvens tão altas,
Lágrimas que estão fazendo falta...

É maio, e o outono vem com força,
Mas que esse vento amigo nos ouça;
Guarde os temporais, traga chuva boa,
Lustre o verde dessas apagadas folhas...

Repinte as belas e  as teimosas flores,
Que ainda permitem apreciar as cores;
Pois o frio maior logo virá, e o queimado,
Das geadas, será o tom, pelo jardim, usado.

Meri Viero