segunda-feira, 8 de setembro de 2014

JARDIM DE ROSAS


















O jardim precisa de tuas lindas mãos,
Dessa delicada e tão preciosa atenção;
Para retirar as ervas daninhas do chão,
E plantar as sementes que florescerão.

Precisa desse teu olhar felino lindo gato,
A cor do mel que irradia graça e beleza;
Contornando a terra teu precioso regato,
E assim reverdece ela, sem mais tristeza.

Toca com teu coração as vestes saudosas,
Poeta com  imaginação o jardim de rosas;
Planta petúnias e amor-perfeito tão prosa,
Faz da paisagem cinza, mundo cor-de-rosa.

Meri Viero